João Pedro RorIz

Site oficial do escritor

Livros para projetos sociais

Capa O cheiro das cores.jpg

Em parceria com o projeto Direito e Cidadania da Paulus Editora, o escritor João Pedro Roriz lançou uma série de livros com historias infantis e juvenis sobre temas pertinentes à Educação e ao Serviço Social. As obras tiveram tiragens grandes, entre 30 mil e 200 mil exemplares e foram distribuídas gratuitamente para crianças e adolescentes carentes assistidos por ONGs parcerias em todo o território nacional. 

1 - O colecionador de amigos. Uma obra que visa diminuir as distâncias entre pais e filhos quando o assunto é a importância da tecnologia. No thriller adolescente, Eliandro faz sucesso no mundo virtual, mas não consegue convencer a mãe da importância de seu trabalho. Apesar das diferenças, eLes terão que juntar forças para tentar desvendar um mistério envolvendo a morte de vários blogueiros. 

2 - Jorginho e Gorrinho, perdidos na mata. Trata-se de um livro de RPG muito divertido, com diversas possibilidade de finais. A proposta é ajudar as crianças a gostar de matemática. Ao ler esta obra, o leitor tem o poder de conduzir os personagens. Para tanto, precisa fazer cálculos matemáticos e usar a lógica. Um passo em falso poderá resultar na morte de um dos personagens. 

3 - Família Forte. Este livro infantil conta a história da Família Forte a partir do ponto de vista de um de seus integrantes. A obra aborda a importância do vínculo familiar e outras questões relevantes como funcionalidade, saúde, conflitos, relacionamento social e a importância do Serviço Social na vida das famílias.  

4 - Bullying - se correr o bicho pega. Trata-se de uma peça de teatro que narra a história de uma turma de sexto ano que sofre as consequências do bullying. Os agressores gostam de colocar apelidos depreciativos nos colegas, fazem chantagens para conseguir o que querem, mentem, criam estratégias para boicotar suas iniciativas e estão sempre ameaçando praticar violência física. O texto também aborda o bullying cibernético, a violência cultural, por omissão, violência sexual, violência psicológica e verbal, além de trazer uma reflexão sobre o papel de pais e professores dentro desse processo. Após publicação dessa obra, entregue para 300 mil jovens em todo o Brasil, houve 17 montagens do espetáculo. 

5 - O cheiro das cores. Realizado em parceria da Paulus com o Comitê Paraolímpico do Brasil, essa obra aborda a importância da inclusão na Educação e os tipos de preconceitos sofridos pelos jovens portadores de deficiência. Conta a história de um menino cego que com sensibilidade e inteligência, conseguiu revolucionar o projeto desportivo de sua escola.

Notícias recentes sobre o projeto

  • Facebook - Black Circle
  • Twitter - Black Circle
  • Google+ - Black Circle
  • YouTube - Black Circle
  • Instagram - Black Circle

João Pedro de Sá Roriz Comércio Atacadista de Livros, jornais e outras publicações.

arteemvoga@arteemvoga.com.br