João Pedro Roriz

Montagem de espetáculo sobre o amor com alunos de Barreiras - BA.

 Roriz (a frente - a esquerda) monta espetáculo em Barreiras com alunos

 

O escritor e arte-educador João Pedro Roriz foi convidado pela Escola Monteiro Lobato, tradicional escola do Município de Barreiras - BA, para escrever o texto e dirigir a peça de teatro de final de ano dos alunos de nono ano e ensino médio. O projeto foi realizado ao longo dos meses de setembro e outubro com a culminância nos dias 29 e 30 de outubro - data da apresentação do espetáculo. 

 

 Foram realizados vários "aulões" para oportunizar experiência ao elenco

 

A peça foi encomendada pela escola dirigida por Tânia Manfredini. Contou com argumentos da professora de língua portuguesa, Silvana Dourado, coordenação pedagógica de Vera Lúcia, coreografias de Marlon Martins e preparação vocal e arranjos de Ramon Arievilo. As apresentações aconteceram no SESC Barreiras com a presença da comunidade local. 

 

O texto foi escrito em versos e relacionou momentos de dança, música, poemas e cenas teatrais. As cenas, ora bem humoradas, ora dramáticas, expunham o amor em diversas vertentes: o amor romântico, o amor filosófico, o amor à democracia, o amor à família, o amor ao mundo e o amor à educação. 

 

 Um momento de ensaio 

 

- Foi uma experiência maravilhosa - comentou Roriz. - Tive a oportunidade de retornar às minhas origens e reviver toda a magia do teatro, das expectativas relacionadas a este mundo pelo qual sou completamente apaixonado. 

 

O maior desafio foi usar apenas alunos em cena, dividido nas seguintes funções: atores, cantores, músicos, poetas, performances e dançarinos. Ao todo, noventa alunos subiram no palco - alguns pela primeira vez. Não havia papeis secundários, todos tinham sua importância. Era portanto necessário fazê-los falar alto e assumir com consciência corporal e estética seus personagens. 

 

 Um momento do espetáculo

 

- Foram necessários muitos "aulões" de teatro e inúmeros ensaios. Não seria possível se eu não despusesse de uma equipe fantástica de professores e produtores ao meu lado - explica Roriz. 

 

Não é a primeira vez que um texto do escritor é encenado por grupos amadores e profissionais. Em 2014 diversas companhias amadoras montou o espetáculo "Bullying - se correr o bicho pega se ficar o bicho come" lançado em livro pela Editora Paulus com tiragem de 200 mil exemplares.  Em 2005, Roriz montou seu espetáculo "Carmen - o musical" com a Cia de Teatro Arte em Voga com 25 atores. Desde 2010, a Arte em Voga apresenta as versões teatrais das obras "Cidade dos Contos" e "Bullying não quero ir pra escola" (publicado em livro pela Paulinas em 2015) em escolas de todo o País. Em 2011, o texto "As mil faces do arlequim", também do escritor foi encenado em leitura dramatizada por um elenco de atores globais no Centro Cultural Oduvaldo Viana Filho. 

 

Veja fotos da apresentação do espetáculo É SÓ O AMOR, de João Pedro Roriz encenado por alunos da Escola Monteiro Lobato, Barreiras - BA:

 

 

 

 

Please reload

Todos os direitos reservados ao autor

João Pedro S. Roriz Produções Artísticas -ME

contato@arteemvoga.com.br